Câmara Municipal de Loures opta pela inacção
ETAR sem funcionar
Incúria em Loures
A CDU de Loures denunciou que os esgotos da freguesia de Bucelas estão a ser lançados directamente para o rio Trancão sem tratamento, porque a ETAR não funciona.
«A ETAR de Bucelas, construída há pouco tempo, ainda não tratou um único metro cúbico de efluente, pelo que, neste momento, todos os esgotos da freguesia estão a ser lançados directamente para o rio Trancão sem qualquer tratamento», denuncia, em comunicado, difundido esta semana, a CDU de Loures.
Entretanto, «a Câmara Municipal (PS), perante este grave atentado ambiental, opta pela inacção, não informando sequer a população sobre a data de entrada em funcionamento deste equipamento», acrescenta, a nota dos comunistas, eleitos nos diversos órgão autárquicos do concelho.
Segundo a CDU, «esta situação vem agravando o estado do rio Trancão, que se encontra receber descargas, através de um dos seus efluentes, provenientes do centro de abate de suínos da Póvoa da Galega». «O esforço da despoluição do Trancão está assim claramente comprometido, exigindo medidas urgentes da Câmara Municipal de Loures», realça ainda o documento.
A Coligação Democrática Unitária reivindica, também, a construção da variante de Bucelas, que «tiraria grande parte do trânsito do centro da vila», e a construção de um pavilhão gimnodesportivo na localidade, realçando a «importância deste equipamento, em especial para os mais jovens e colectividades».


 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: