Henri Alleg ao Avante!
«As lutas pelo socialismo vão crescer»
Aproveitando a sua presença em Portugal para participar no Seminário Internacional «Civilização ou Barbárie», o Avante! entrevistou o jornalista e escritor francês Henri Alleg. Comunista de muitas lutas, correu o mundo e acompanhou de perto alguns dos mais importantes e decisivos acontecimentos dos últimos cinquenta anos. Das suas viagens, nasceram reportagens – algumas publicadas em livro – que ajudaram à compreensão de vários processos, tão diversos como as desigualdades na América dos anos oitenta, a evolução na China ou o desaparecimento da União Soviética. Aos 83 anos e com muito para contar, Henri Alleg permanece activo na denúncia do capitalismo e confia no socialismo como única alternativa para a sobrevivência da humanidade. Esta conversa, com um «conservador da esperança», peca por ser demasiado curta. Mas todas seriam…

A luta no seio do Partido Trabalhista agravou-se durante o Congresso de Brighton
Morte política de Blair, anunciada
A democracia e o tradicional sistema de valores que o trabalhismo tem quase sempre defendido, foram os grandes vencidos no Congresso que se desenrolou durante a passada semana em Brighton. Triunfaram as intrigas, o sistema de interesses pessoais, a perfídia, as negociações de bastidores. O povo britânico ficou a saber que os «modernizadores» do New Labour não só envenenaram o quadro de democracia ainda possível no capitalismo como se mostram, até, decididos a desmantelá-lo desde que possam manter-se no poder.