Estes critérios «interferem na formação de opinião dos leitores»
Comissão Política envia cartas
PCP protesta contra discriminação nos jornais
O PCP enviou cartas ao Público e Diário de Notícias em protesto contra a desvalorização que os jornais fazem da campanha da CDU, tanto no destaque como no número de notícias.
Jorge Cordeiro, membro da Comissão Política do PCP, enviou cartas aos jornais Público e Diário de Notícias protestando contra «a ostensiva desvalorização» e silenciamento das candidaturas da CDU, da actividade do secretário-geral Jerónimo de Sousa e das campanhas em Lisboa e no Porto.
«Esta atitude deliberada de desvalorização e silenciamento da CDU traduzida numa chocante desigualdade de tratamento – apenas justificada por opções políticas e critérios de simpatias editoriais – põe em causa os princípios de isenção e igual oportunidade que devem ser asseguradas, interferem indevidamente na formação de opinião dos leitores e prejudicam a opinião dos leitores e prejudicam objectivamente o PCP, a CDU e a campanha eleitoral», lê-se na carta ao Diário de Notícias.
Na carta enviada ao Público, o dirigente comunista refere que a desvalorização da coligação é evidente no número de notícias, no destaque que lhes é dado e nas fotos que as acompanham ou não, dando como exemplo uma peça dedicada ao município de Alcobaça, publicada a 28 de Setembro. «A CDU é remetida para a coluna dos outsiders (e para depois do CDS) na disputa da autarquia, quando os resultados de 2001 (única base objectiva para a elaboração destes trabalhos e não os eventuais “desejos” ou simpatias de quem as elabora) evidenciam que a CDU se apresenta com idêntica expressão eleitoral que o PS (22 e 23 por cento respectivamente) e, portanto, em iguais circunstâncias e possibilidade de discutir a presidência deste município», lê-se.
Quanto à cobertura da campanha eleitoral em Lisboa, Jorge Cordeiro constata que nas edições das últimas duas semanas as actividades promovidas pela CDU são quase sempre remetidas para notícias menores ou de rodapé ou simplesmente ignoradas.
Fazendo mais uma vez referência à edição de dia 28 do Público, Jorge Cordeiro lembra que foi dedicada uma página à campanha de Lisboa com quatro notícias sobre as candidaturas do PS, PSD, CDS/PP e BE, «sem que dedique uma única linha à candidatura da CDU, quando é certo que por exemplo no dia anterior se havia realizado uma iniciativa com mais de 200 intelectuais, integrada na campanha de Ruben de Carvalho».
Analisando o Diário de Notícias entre 27 e 30 de Setembro, o PCP verificou que não foi publicada qualquer notícia sobre as mais de 20 iniciativas em que Jerónimo de Sousa participou e «a chocante rasura da candidatura da CDU e de Rui Sá, no Porto, bem expressa no facto de não ter obtido uma única referência, ao contrário do que sucede com todos os outros candidatos».
Jorge Cordeiro refere ainda a «deliberada desvalorização» da candidatura de Ruben de Carvalho em Lisboa, noticiada apenas em pequenas peças no fundo das páginas.


 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: