Breves
36 anos
A CGTP-IN comemorou, dia 1, o seu 36.º aniversário. A assinalar a data, a central inaugurou, dia 30, em colaboração com o Município da Moita, na galeria de exposições do Fórum Cultural José Manuel Figueiredo, na Baixa da Banheira, a exposição «O trabalho e os trabalhadores». À noite teve lugar um concerto de homenagem ao maestro, Fernando Lopes Graça, com a actuação do coro Lopes Graça e da pianista, Olga Prats.

Manifesto
Em defesa dos serviços públicos, o Sindicato Nacional dos Trabalhadores da Administração Local, apresentou, numa conferência de imprensa conjunta com o Sindel, o Sintap e o STE, no dia 18, um manifesto integrado na campanha europeia denominada «Serviços Públicos de qualidade, qualidade de vida».
A campanha está a decorrer por toda a Europa, para exigir a garantia de equidade, justiça social e de universalidade no acesso. O manifesto exige o fim da mercantilização de serviços públicos.

<em>O Independente</em>
O semanário, desaparecido das bancas, alegou não possuir condições para proceder ao pagamento das compensações devidas pela sua extinção e declarou que o património da empresa não será suficiente para ressarcir os direitos dos trabalhadores despedidos. A informação foi dada, dia 26, durante a reunião do SJ com a administração, que anunciou ir apresentar um processo de insolvência em que os trabalhadores serão credores. O SJ fez saber que defenderá os interesses dos seus representados.