Açores
Arranca a campanha eleitoral
Aníbal Pires, primeiro candidato da CDU pelo círculo eleitoral dos Açores, iniciou, no passado fim-de-semana, a campanha eleitoral com uma visita à Freguesia do Pico da Pedra, no concelho da Ribeira Grande, na Ilha de São Miguel.
Com esta iniciativa, que contou com a presença de Fernando Decq Mota e dos candidatos municipais à Ribeira Grande, bem como por outros dirigentes e activistas, a Coligação procurou evitar as grandes centralidades urbanas, chamando a atenção para as freguesias periféricas e para os seus problemas.
A comitiva participou numa sessão de apresentação dos candidatos autárquicos à Freguesia do Pico da Pedra, seguindo-se uma reunião com a direcção do Vitória Clube do Pico da Pedra, para melhor conhecer os problemas e dificuldades desta instituição.
Houve ainda tempo para o contacto directo com a população da Freguesia, no qual os candidatos ouviram queixas dos cidadãos e apelaram ao voto na CDU, como forma de construir a mudança que o País precisa.
Aníbal Pires aproveitou a ocasião para destacar como centrais no projecto da CDU Açores as questões dos transportes, que devem deixar de ser um factor de estrangulamento da actividade económica da Região e passar a ser a garantia efectiva da continuidade territorial e do direito ao não-isolamento.
O candidato fez ainda um apelo ao voto na CDU como forma de garantir pluralidade na representação açoriana na Assembleia da República. «Da mesma forma que os Açores ficaram a ganhar com a nova composição do Parlamento Regional, é importante que os deputados dos açorianos na República espelhem essa diversidade e contribuam, de facto, para defender os nossos interesses», declarou Aníbal Pires, acrescentando: «Não estamos condenados ao rotativismo eterno entre PS e PSD, duas faces da mesma moeda. Mudar é possível e urgente.»

Compromisso com a juventude

Na passada quinta-feira, o Teatro Faialense, na Cidade da Horta, acolheu a apresentação do «Compromisso da CDU dos Açores para a Juventude Açoreana». Aníbal Pires e Fernando Decq Mota, candidatos da CDU à Assembleia da República, bem como José Decq Mota e Luís Bruno, candidatos à Câmara e Assembleia Municipal da Horta, participaram na «tertúlia» com os jovens candidatos, activistas e apoiantes da CDU, onde foram discutidos alguns dos principais problemas que afectam a juventude açoriana.
Na iniciativa, Fernando Decq Mota sublinhou a forma como os jovens são afectados pelas políticas que têm vindo a ser praticadas pelo PS e pelo PSD, nomeadamente no campo do emprego, da educação, da habitação e também da sua mobilidade. Já Aníbal Pires afirmou que é a CDU que traz capacidade de ruptura e mudança. «A falta de atenção e investimento na juventude, a forma como se vem condenando os nossos jovens ao desemprego, ao trabalho precário e sem direitos, compromete o futuro do País. É preciso romper com estas políticas e tal só será possível dando mais força à CDU», afirmou o candidato.


 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: