Trabalhadores exigem soluções
Os trabalhadores da IFM/Platex de Tomar vão deslocar-se, dia 11 de Dezembro, a Lisboa, para pedir «soluções para o futuro da empresa», que não produz desde o dia 11 de Abril.
Nesse dia, contactarão ainda com o Instituto de Apoio às Pequenas e Médias Empresas e à Inovação (IAPMEI), a quem foi pedida uma verba de cinco milhões de euros para retomar a produção, e o Ministério da Economia.
Os seis meses de período de lay-off em que se encontrava metade dos cerca de 220 trabalhadores da empresa, desde Maio, já terminaram e cerca de centena e meia destes funcionários, com vários meses de salário em atraso, já suspenderam o seu contrato em Setembro, encontrando-se a receber o subsídio de desemprego e mantendo assim o vínculo laboral à empresa.


 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: