Iniciativas em defesa da paz

Image 6047

A Campanha «Paz sim! NATO não!», onde participam mais de 100 organizações portuguesas e que tem já um grande apoio internacional, apela a todos os cidadãos para participarem nas iniciativas que se vão realizar de 14 a 20 de Novembro.

No próximo domingo, dia 14, terá lugar, às 17 horas, no Cinema Batalha, um grande concerto no Porto, com a participação de Jorge Palma, Sebastião Antunes, Couple Coffee e João Afonso. No dia seguinte, segunda-feira, o Movimento Democrático de Mulheres dedica um tempo de antena, na RTP, antes do telejornal, à Campanha em defesa da paz e contra a Cimeira da NATO em Portugal.

Promovido pelo Conselho Português para a Paz e Cooperação, em colaboração com o Conselho Mundial da Paz, realiza-se, no dia 19, em Almada, um Encontro Internacional sob o lema «Paz sim! NATO não! – NATO, inimiga da paz e dos povos – Dissolução».

No dia 20 vão acontecer várias actividades desportivas e culturais na Praça da Figueira, em Lisboa, com exibição de jogos tradicionais, conjunto de concertinas, de bombos e de gaiteiros, e uma caminhada com partida do Campo Grande. Esta iniciativa é promovida pela Confederação Portuguesa das Colectividades.

No mesmo dia, às 15 horas, realiza-se uma grande manifestação entre o Marquês de Pombal e os Restauradores, em Lisboa, onde desfilarão, de forma tranquila e convicta, milhares de pessoas em defesa da paz e contra Cimeira da NATO em Portugal.

 

De Aveiro para Lisboa

 

Para quem queira participar na manifestação do dia 20, o Núcleo de Aveiro da Campanha «Paz sim! NATO não!» disponibiliza autocarros para Lisboa. Haverá dois trajectos à disposição dos habitantes do distrito, sendo que um dos autocarros fará o percurso Espinho, Ovar, Estarreja, Aveiro, Oiã, Lisboa. O outro sairá de Santa Maria da Feira em direcção a S. João da Madeira, de onde seguirá para Oliveira de Azeméis, Albergaria-a-Velha, Águeda, Anadia, Barcouço e Lisboa.


Resistência

 

«1870-2010 - Lénine, a questão da paz e a resistência antifascista portuguesa» é o tema de uma tertúlia-debate que se vai realizar hoje, entre as 17.30 e as 20 horas, no auditório do Espaço Cidade Universitária do Museu República e Resistência, em Lisboa. No ano do 140.º aniversário do nascimento de Lénine e a poucos dias da realização da Cimeira da NATO em Lisboa, nesta iniciativa, promovida pela Associação Iúri Gagárin, será debatida «a obra de Vladimir Lénine, com ênfase particular na sua visão sobre a questão da paz», «a luta pela paz na acção mais geral da resistência antifascista portuguesa» e «a questão da paz na actualidade, no contexto da realização da Cimeira da NATO em Lisboa».

Como moderador, o professor Eduardo Chitas fará uma primeira intervenção sobre «A obra de Lénine e a luta pela paz». Intervirão ainda Armando Myre Dores, vice-presidente do Conselho Directivo da Associação Iúri Gagárin, que falará sobre «A luta pela paz na resistência antifascista», e Gustavo Carneiro, da Direcção Nacional do Conselho Português para a Paz e Cooperação, que tratará «A NATO hoje e a Cimeira de Lisboa».



 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: