Apostar na formação

Image 6769

Uma delegação do PCP visitou recentemente as instalações do Centro de Formação Profissional para o Sector da Cristalaria (Crisform), situado na zona industrial da Marinha Grande. O Instituto do Emprego e Formação Profissional já fez saber que o pretende extinguir.

No final da visita às instalações e da reunião com o director do centro, Avelino Sousa Lopes, a delegação do PCP manifestou a necessidade de encontrar uma solução digna para o futuro da indústria vidreira. O deputado Bruno Dias (que integrava a delegação, juntamente com o vereador da Câmara Municipal Alberto Cascalho e os dirigentes regionais do PCP Filipe Andrade e Filipe Rodrigues) afirmou que «saímos daqui com um alerta para as ameaças e os perigos que tal decisão acarreta para um sector importante para a economia nacional, mas sobretudo para a economia da região». O PCP realçou ainda o potencial do Crisform ao nível das novas tecnologias e de novos modelos de processo industrial.

Os comunistas apelaram ainda à mobilização de todos para a defesa do centro de formação. «Há aqui um potencial por explorar e a solução tem que passar pela formação», afirmou o deputado do PCP. E deixou um alerta: «Não podemos garantir que com formação e qualificação adequada a indústria vidreira daqui por 20 ou 30 anos esteja competitiva e pujante, mas podemos garantir que ela não existirá se essa formação não for acautelada.»



 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: