Declaração de Jerónimo de Sousa sobre a greve geral
Poderosa afirmação de protesto<br>e de exigência de mudança
Numa declaração proferida ao final da tarde do dia 22 e enviada aos órgãos de comunicação social, que transcrevemos na íntegra, Jerónimo de Sousa avaliou a greve geral realizada nesse dia e apelou à continuação da luta contra o pacto de agressão e por um Portugal com futuro.

Unidade reforçada nos transportes
Êxito move a luta de todos

Distrito de Leiria
Mais força para continuar a luta

Distrito de Santarém
Forte adesão no público e no privado

Solidariedade internacional

Oportuna, com resultados e apontada ao futuro
Grande greve geral

Jovens exigem este país

JCP com quem luta

Forte adesão na Península de Setúbal
Grande jornada de denúncia e de combate

Lisboa
Poderosa afirmação da luta que prossegue

Braga
Resposta firme à brutal ofensiva

Viana do Castelo
Resistência corajosa

Bragança
Uma luta necessária

Vila Real
Jornada contra a resignação

Uma greve de grande dimensão no Porto
Coragem e combatividade

Aveiro
Ocultação e manipulação derrotadas

Coimbra
Impacto em todos os sectores

Viseu
Sementes de futuro

Guarda
Defender direitos

Castelo Branco
Um <i>não</i> à exploração

Vencidas pressões na Administração Pública
Revolta incontida

Qualquer registo é ilegal

Madeira e Açores

Portalegre, Évora e Beja
Forte resposta no Alentejo

Centenas de empresas afectadas na indústria
Mensagem clara aos patrões

CGTP-IN destaca resultados

Faro
Uma fortíssima adesão

Dezenas de concentrações e manifestações em todo o País
Das empresas para as ruas