Cavaco apupado em Évora

O PR foi recebido em Évora, na sexta-feira, pelos protestos de cerca de 300 trabalhadores da Administração Pública e de empresas privadas. Respondendo ao apelo da estrutura distrital da CGTP-IN, concentraram-se junto às instalações da Embraer, que Cavaco Silva foi inaugurar. João Oliveira, deputado, e os três vereadores comunistas na CM de Évora não participaram na inauguração, porque «não é possível estarmos solidários com a exigência do povo de pôr fim a esta política e, em simultâneo, participarmos com os seus responsáveis em actos festivos e simbólicos», como se refere num comunicado da Concelhia do Partido, que saudou a abertura das duas fábricas.




 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: