Aconteu
OCDE prevê agravamento da recessão

Image 12005

A Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) considera que Portugal só irá cumprir as metas para o défice em 2013 e 2014 com recurso a medidas adicionais.

No documento de previsões económicas divulgado anteontem, 27, a OCDE refere que tais «medidas adicionais» somar-se-ão à redução da despesa pública já prevista de mais quatro mil milhões de euros no próximo ano.

Sustentando que a consolidação orçamental «deve continuar a ser a prioridade», a organização observa, no entanto, que não deve haver uma obsessão com as metas nominais dos défices, aconselhando o Governo a permitir que «os estabilizadores automáticos actuem, caso o crescimento fique abaixo do esperado», ou seja, que intervenha com vista a estimular a economia.

A Organização prevê uma contracção da economia de 1,8% em 2013, quase o dobro do que espera o Governo, enquanto o desemprego deverá atingir a taxa de histórica de 16,9 por cento.


Receita fiscal continua a cair

Image 12008

A receita dos impostos indirectos (IVA e outros impostos sobre o consumo) cobrados pelo Estado caiu 5,2 por cento nos primeiros dez meses do ano, segundo dados divulgados, dia 23, pela Direão-Geral do Orçamento (DGO).

No seu boletim de execução orçamental, a DGO nota que a queda foi mais acentuada do que no mês anterior. O IVA, que representa quase metade do total da receita fiscal, gerou menos dois por cento de receitas em relação ao ano anterior, apesar do aumento da taxa aplicada a vários produtos essenciais e à restauração.

Quase todos os outros impostos sobre o consumo voltaram a registar quebras significativas, reflectindo a redução do consumo, especialmente de bens duradouros, e sobretudo nos sectores ligados ao automóvel.

A receita do imposto sobre os produtos petrolíferos (ISP) caiu 8,2 por cento em relação ao mesmo período do ano passado, a do imposto sobre o tabaco reduziu-se 9,3 por cento e a do imposto sobre veículos caiu 43,6 por cento.


Galp faz publicidade enganosa

Image 12006

Um estudo realizado pela DECO, Associação de Defesa do Consumidor, demonstrou que, afinal, a maior diferença entre o gasóleo de baixo custo, o regular ou o «premium» é o preço.

A Associação chegou a esta conclusão depois de comparar quatro automóveis novos, todos iguais, que durante um mês foram conduzidos num autódromo por quatro pilotos profissionais, que trocaram com regularidade de veículo, acabando os motores por ser desmontados e as peças enviadas para o estrangeiro para análise num laboratório certificado.

Em cada um dos veículos foram colocados diferentes tipos de gasóleo, Galp Force, Galp Hi-Energy, Jumbo e Intermarché. No final, não se observou diferenças relevantes entre eles.

Na verdade «as promessas [da Galp] de menor consumo, menores emissões poluentes e maior protecção do motor com poupanças futuras não passam de “marketing” para cobrar mais uma dezena de cêntimos ao litro», afirma a DECO.


Carlos do Carmo canta Saramago

O novo CD/DVD de Carlos do Carmo, lançado na segunda-feira, 27, inclui poemas de José Saramago, de Júlio Pomar, Fernando Tavares Marques e Urbano Tavares Rodrigues, entre outros poetas, e conta com participação da pianista Maria João Pires.

Anteontem, o fadista foi distinguido com a Medalha de Mérito Municipal, grau Ouro, da Câmara de Lisboa, pelo seu empenho como embaixador da candidatura do Fado a Património Imaterial da Humanidade.

Filho da fadista Lucília do Carmo, Carlos do Carmo iniciou a carreira em 1964 na casa típica O Faia, em Lisboa, tendo já pisado alguns dos mais importantes palcos internacionais como o Royal Albert Hall, em Londres, o Olympia, em Paris, a Alter Oper, em Frankfurt ou o Canecão no Rio de Janeiro.


Portugal fora da Eurovisão

A RTP anunciou, dia 23, que não participará no Festival Eurovisão da Canção de 2013, que terá lugar em Maio na Suécia, devido a restrições orçamentais.

Num nota informativa a estação pública considera que «a actual conjuntura orçamental» não permite que se possa «acumular eventos de monta».

Em contrapartida, a RTP propõe-se «realizar um evento que permita concretizar o lançamento de novos valores», «num programa de serviço público abrangente e de qualidade»

Desde 1964 que Portugal participa regularmente no evento, tendo apenas falhado as edições de 1970, 2000 e 2002.



Resumo da Semana
Frases