Beja despreza cultura

Num comentário às recentes notícias sobre a atribuição de subsídios da Câmara de Beja (PS) às associações culturais do concelho, que chegaram a ser reduzidos, nalguns casos, em 60 por cento, os vereadores do PCP fizeram a comparação dos mesmos com o último ano de gestão da CDU, existindo «associações que estão neste momento com níveis de apoio na ordem dos 20 por cento, relativamente ao que receberam no anterior mandato».

No entanto, apesar de considerarem «manifestamente insuficiente» o montante a atribuir a cada associação, os eleitos comunistas na autarquia votaram a favor da proposta do PS, «apenas para que não viessem a ser acusados de estar a inviabilizar este pequeno subsídio, que pode já ser considerado uma autêntica esmola».



 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: