Trabalho, honestidade e competência
O Alentejo precisa <br> de mais CDU

Image 13791

A CDU assume-se nas eleições autárquicas que se vão rea- lizar no dia 29 de Setembro como a grande força política nacional, indissociavelmente ligada à construção do Poder Local Democrático e à sua afirmação como espaço de resolução de problemas e de intervenção, a favor do desenvolvimento e do bem-estar.
Continuando a percorrer o Alentejo, fomos encontrar dois exemplos claros – Arraiolos e Montemor-o-Novo – de quem nunca frustrou os anseios das populações, e trabalha, todos os dias, com honestidade e competência, para melhorar a qualidade de vida das pessoas. Um compromisso que assume ainda mais importância num quadro político em que o PS, em muitas autarquias do distrito de Évora, fez uma gestão ruinosa e destruiu sonhos e projectos de muitas gerações. «A gestão PS dos últimos 12 anos constituiu um retrocesso no desenvolvimento do concelho e hipotecou, por muitos anos mais, a autonomia, a capacidade operacional e de investimento (tão necessário!) da Câmara Municipal, mas, sobretudo, a vida dos que trabalham e vivem em Évora», afirmou ao Avante!, Carlos Pinto Sá, cabeça de lista da CDU à Câmara Municipal.
Daí a importância do próximo acto eleitoral: o reforço das CDU significará mais capacidade de resolução dos problemas locais, dando força aos que lutam por uma política alternativa, patriótica e de esquerda.



 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: