Aconteu
Empresas investem no estrangeiro

Entre 2009 e 2011, 15,3 por cento das empresas em Portugal com mais de 100 trabalhadores deslocalizaram actividades para o estrangeiro, sobretudo para a UE e PALOP, e 12 por cento planeiam fazê-lo entre 2012 e 2015.

Estes são os principais resultados do inquérito europeu às Cadeias de Valor Globais, realizado por um conjunto de 15 países entre Maio e Outubro de 2012, e divulgados, na segunda-feira, 25, pelo Instituto Nacional de Estatística.

O estudo indica que, face ao período 2001-2006, a percentagem de empresas que recorreram ao «sourcing» internacional aumentou 3,1 pontos percentuais.

Entre as empresas que deslocalizaram actividades para o estrangeiro, entre 2009 e 2011, 72 por cento faziam parte de um grupo económico.

O sector industrial foi o mais activo nesta matéria, com 18,2 por cento das empresas a procurarem produzir lá fora.

Relativamente ao período 2012-2015, 11,9 por cento das empresas com 100 ou mais pessoas ao serviço têm planos para realizarem «sourcing» internacional. Esta percentagem sobe para os 56,4 por cento entre as empresas que deslocalizaram actividades entre 2009 e 2012.

O INE salienta ainda que a deslocalização para o estrangeiro de postos de trabalho de elevada qualificação é o principal impacto do «sourcing» internacional no emprego.


Governo saqueia trabalhadores

Dos 2,2 mil milhões de euros que o Estado arrecadou a mais até Outubro, comparando com igual período do ano passado, 2,19 mil milhões de euros, ou seja praticamente a totalidade, foram obtidos por via do aumento da tributação dos rendimentos do trabalho (IRS)

Deste modo, se a receita fiscal do Estado cresceu 8,4 por cento, o IRS proporcionou um aumento de 29,9 por cento, segundo a síntese de execução orçamental até Outubro, publicada, dia 22, pela Direcção-Geral do Orçamento.

Por seu turno, a contribuição das empresas (IRC) apenas cresceu 312,6 milhões de euros.

Todos os restantes impostos caíram, caso do imposto sobre os produtos petrolíferos, imposto sobre veículos, imposto de selo e outros, com excepção do IVA que registou um ligeiro aumento de 43,4 milhões de euros, face a 2012.


Estado perde 53 mil funcionários

No último ano e meio, o Estado desfez-se de 53 mil funcionários, segundo revelou o secretário de Estado da Administração Pública, Hélder Rosalino, dia 22, no debate da especialidade do Orçamento do Estado para 2014.

O governante regozijou-se com o facto de o Governo ter reduzido «em cerca de 4000 milhões de euros a despesa com pessoal só até ao fim de 2013», uma redução que foi conseguida através do controlo da entrada de funcionários públicos e da saída de trabalhadores dos serviços públicos.


Maioria dos casais com filho único

Dos 2 745 928 casais existentes em Portugal em 2011, 55 por cento tinham apenas um filho. Em 1991 essa percentagem era de 44 por cento e, em 2001, de 51 por cento.

O estudo do INE, divulgado dia 20, indica ainda que o número de casais sem filhos já representa 41 por cento do total de casais portugueses. Em 1991, eram 32 por cento e, em 2001, 35 por cento.

Em sentido inverso, os casais com três ou mais filhos sofreu uma quebra de 17 por cento em 1991, 11 por cento em 2001 e oito por cento em 2011.


Famílias unipessoais duplicam em dez anos

O número de famílias unipessoais passou de 435 864 em 1991 para 866 827 em 2011, o que representa oito por cento da população.

De acordo com o estudo «Como evoluíram as famílias em Portugal?», publicado, dia 20, pelo INE, estas famílias são sobretudo constituídas por mulheres (5,2 por cento contra três por cento de homens) e quase metade das pessoas nestes agregados têm 65 ou mais anos (46,9 por cento).

Os dados do INE revelam ainda uma «redução significativa» da dimensão das famílias portuguesas, que passaram de 3,8 pessoas em 1960 para 2,6 em 2011.


Tráfico de Mulheres em livro

Os materiais da Conferência Internacional «Tráfico de Mulheres – Romper Silêncios», realizada a 3 de Fevereiro de 2012, em Lisboa, estão agora disponíveis numa edição da responsabilidade do Movimento Democrático de Mulheres, organização promotora do evento.

A edição contém cerca de dezena e meia de intervenções proferidas na conferência, em que participaram duas centenas de pessoas, oriundas de 23 países.



Resumo da Semana
Frases