Aconteu
Custo do trabalho cai 8,8% em Portugal

O custo da mão-de-obra caiu 8,8 por cento, em Portugal, no último trimestre de 2014, face ao mesmo período do ano anterior.
Segundo dados do Eurostat divulgados dia 19, trata-se da maior queda do custo do trabalho entre os estados-membros da União Europeia.
O gabinete oficial de estatísticas europeias revela que, entre Outubro e Dezembro de 2014, o preço por hora da mão-de-obra cresceu 1,1 por cento na zona euro e 1,4 por cento no conjunto dos 28 países da UE.
Em Portugal, depois de o custo horário da mão-de-obra ter aumentado nos segundo e terceiro trimestres (3,2% e 0,5%, respectivamente), no quarto trimestre voltou a afundar-se.
Os salários e vencimentos caíram 9,7 por cento, enquanto as despesas não salariais diminuíram 5,8 por cento.
Além de Portugal, os países em que o custo da mão-de-obra caiu no quarto trimestre foram Chipre (2,2%), Croácia (0,5%), Itália (0,3) e Irlanda (0,1%).
Em sentido contrário, verificaram-se os aumentos na Roménia (7,9%), Estónia (6,5%), Letónia (6,1%), Lituânia (5,7%) e Eslováquia (5,1%).


Emigrantes valem 1,8% do PIB

As remessas dos emigrantes elevaram-se a três mil milhões de euros em 2013, correspondente a 1,8 por cento do Produto Interno Bruto.
Os dados constam do «Factbook 2014», publicação do Observatório da Emigração, divulgada dia 20.
O Reino Unido é o destino mais procurado. Entre 2012 e 2013 o número de entradas de portugueses nesse país cresceu 47 por cento.


750 milhões sem água potável

Perto de 750 milhões de pessoas não têm acesso a água potável, alertou a UNICEF nas vésperas do Dia Mundial da Água, que se assinalou dia 22.
«A água é a própria essência da vida» e, contudo, «os pobres e os excluídos continuam a ser privados deste direito humano básico», afirmou Sanjay Wijesekera, responsável pelos programas globais da UNICEF para a Água, Saneamento e Higiene.
Em comunicado, o órgão das Nações Unidas refere que dos 748 milhões sem acesso a água potável, 90 por cento vivem em zonas rurais e 325 milhões (dois em cada cinco) vivem na África Subsaariana, 112 milhões na China e 92 milhões na Índia.
Em média, perto de «mil crianças morrem por dia devido a doenças diarreicas relacionadas com água imprópria para beber, saneamento precário ou pouca higiene».


Obra de Saramago é ópera nos EUA

A ópera «As Intermitências da Morte», de Kurt Rohde, baseada no romance homónimo de José Saramago, estreou-se, dia 19, em San Francisco, no Estado norte-americano da Califórnia.
A ópera, com libreto do historiador Thomas Laqueur, encenada por Majel Connery e dirigida por Matilda Hofman, teve duas récitas esgotadas no ODC Theater.
Já anteriormente, obras de Saramago deram origem a espetáculos de ópera, caso de «Blimunda» (1989), sobre o «Memorial do convento», e «Divara» (1993), sobre a peça «In nomine Dei».
O Nobel português escreveu ainda, em parceria com o compositor italiano Azio Corghi, o libreto de «Il dissoluto assolto», ópera inspirada no mito de D. Juan, concluída em 2005.


SPA distingue romance de Margarida Carvalho

«Que Importa a Fúria do Mar», de Ana Margarida de Carvalho, venceu o Grande Prémio de Romance e Novela da Associação Portuguesa de Escritores (APE), tendo sido escolhido por unanimidade, entre os 107 livros admitidos a concurso.
Neste seu primeiro romance, editado em 2013, a autora recua à célebre revolta operária de 18 Janeiro de 1934, na Marinha Grande, e evoca a repressão dos revoltosos, muitos dos quais são enviados para o campo do Tarrafal, em Cabo Verde, que é então inaugurado pelo regime fascista.
A cerimónia de entrega do prémio teve lugar, dia 17, na Fundação Calouste Gulbenkian.


Lutas estudantis para ver em Almada

A Câmara Municipal de Almada inaugurou, dia 20, a exposição «E Agora Somos Nós – As Lutas Estudantis nos Anos 1960 e 1990», patente no Fórum Municipal Romeu Correia.
A sessão de inauguração contou com a presença do Presidente do município Joaquim Judas e foi seguida, no mesmo local, por um colóquio em que participaram Sérgio de Sousa, advogado e escritor, e André Janeco, presidente da Associação dos Bolseiros de Investigação Científica.



Resumo da Semana
Frases