11 de Agosto de 1675<br>– Observatório Astronómico<br>de Greenwich

Image 20996

Fundado por Carlos II em 1675 na localidade de Greenwich, próxima de Londres, o Observatório inglês é porventura o mais famoso do mundo. Teve como primeiro director o famoso astrónomo John Flamsteed e, à época, o principal trabalho do observatório era efectuar medidas astronómicas que ajudassem os navegantes a determinar a longitude no mar. As medições do tempo começaram mais tarde. Uma convenção internacional realizada em 1884, nos Estados Unidos, decidiu estabelecer o meridiano que passa por Greenwich como o primeiro meridiano (latitude zero graus) servindo de referência para calcular distâncias em longitudes e estabelecer os fusos horários. Cada fuso horário corresponde a uma faixa de quinze graus de longitude de largura, sendo a hora de Greenwich chamada de Greenwich Mean Time (GMT). Esta linha imaginária divide os hemisférios Oriental e Ocidental, tal como o Equador divide os hemisférios Norte e Sul. A partir destas duas coordenadas – longitude e latitude – pode localizar-se qualquer ponto do Planeta. Após a II Guerra Mundial, devido às más condições de visibilidade provocadas pela luz e poluição de Londres, o Observatório foi transferido para Herstmonceux, no Sussex, embora mantendo o mesmo nome. O original foi transformado em museu.

 


 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: