Avante! Avante!

Avanços positivos mas insuficientes no OE2017

É preciso mais e melhor

O Orçamento do Estado para 2017 inclui um conjunto de «aspectos positivos», considera o PCP, que sublinha no entanto que nele perpassam «limitações e insuficiências inseparáveis das opções e constrangimentos que impedem ir mais longe». Também a CGTP-IN regista as medidas de sinal positivo e apela ao prosseguimento da luta para o País sair da estagnação e passar à fase da ruptura com a política do passado.