25 de Fevereiro de 1841<br>– Nasce Pierre Auguste Renoir

Nome destacado do Impressionismo, movimento artístico que revolucionou profundamente a pintura e abriu portas às novas tendências da arte do século XX, o pintor francês Auguste Renoir foi dos raros artistas do seu tempo a ter o reconhecimento da crítica ainda em vida. A sua popularidade, atribuída à alegria e optimismo que emanam dos quadros com que retrata a buliçosa vida parisiense dos finais do século XIX, a par da beleza dos seus nus femininos ao ar livre ou personagens do quotidiano, não foi no entanto imediata. De origens humildes, Renoir teve a sorte de crescer perto do Louvre, onde em adolescente começou a estudar e reproduzir as obras expostas, munido dos saberes adquiridos como aprendiz de um pintor de porcelanas. Mais tarde foi aluno na Ecole des Beaux-Arts e no estúdio do pintor suíço Charles Gleyre, onde conheceu outros jovens artistas que viriam a destacar-se no Impressionismo, como Monet, Pissarro e Cézanne. É com estes e outros amigos cansados de verem as suas obras rejeitadas pelos grandes salões que, em 1874, organiza a primeira exposição impressionista, realizada no estúdio do famoso fotógrafo Félix Nadar, em Paris. A nova escola provocou uma verdadeira tempestade pela sua ruptura com os padrões da época.

 


 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: