Autarcas do distrito de Évora reclamam paragens na futura ferrovia

Na quinta-feira, 17, os 14 presidentes dos municípios do distrito de Évora aprovaram uma tomada de posição no conselho da Comunidade Intermunicipal do Alentejo Central (CIMAC) a defender a criação de três plataformas de cargas e descargas (Évora, Vendas Novas e na zona dos mármores) da futura linha ferroviária de mercadorias entre Sines e a fronteira do Caia, perto de Elvas.

Impactos das monoculturas
Dias antes, na Assembleia Intermunicipal da CIMBAL foi aprovada uma moção da CDU – com apenas um voto contra do PSD – onde se exige ao Governo a criação de um sistema para mitigar impactos das monoculturas em zonas como a do Alqueva.

Os autarcas reclamam, de igual forma, a criação de normas para «corresponsabilização das empresas de prestação de serviços e utilizadoras do trabalho sem direitos e sem dignidade» em explorações agrícolas.




 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: