Em Setembro de 2017 o nosso país [Rússia] finalizou antecipadamente a destruição do seu arsenal químico. (…) Ao mesmo tempo, os países do Ocidente tentam não reparar que um deles, ao contrário dos seus compromissos decorrentes da Convenção, ainda preserve o seu arsenal nacional de armas tóxicas, adiando a destruição do mesmo.

 

(Alexander Bryantsev, Público, 12.7.18)

 

Se tivéssemos [CP] mais capacidade em material circulante, mais passageiros teríamos.

 

(Carlos Nogueira, Público, 12.7.18)

 

Há mais de 20 anos que o Governo não investe neste troço [linha ferroviária do Oeste], não só ao nível da infraestrutura mas também dos comboios, para além da falta de trabalhadores qualificados.

(Abílio Carvalho, Correio da Manhã, 12.7.18)

 

A realidade é que os cortes acabaram e todos os aliados aumentaram as respectivas contribuições [para a NATO].

(Jens Stoltenberg, Público, 12.7.18)

 

Os países concordaram em chegar de forma mais rápida aos 2% [de gastos militares]. E depois de chegarmos aí, vamos começar a discutir em aumentar o esforço para 4%, que me parece ser um valor mais apropriado.

(Donald Trump, Público, 13.7.18)

 

Inconstitucional é haver casas e prédios devolutos e degradados, é não haver oferta de casas, ter rendas incomportáveis, ser despejado e expulso da cidade.

 

(António Machado, Expresso, 14.7.18)

 

A continuar assim, os inquilinos vão assemelhar-se a turistas, com os pertences em trânsito regular de casa para casa, quando a encontram, face à instabilidade e precariedade do arrendamento.

(Idem, Ibidem)