Associações vítimas de violência policial

Quatro associações de auxílio aos migrantes no porto francês de Calais denunciaram publicamente estarem a ser alvo de violência policial e de intimidação por parte das forças da ordem.

Num relatório entregue, dia 7, à autoridade de defesa dos direitos dos cidadãos em França, as associações afirmam que nos últimos oito meses voluntários associativos foram vítimas de 666 incidentes de vigilância policial, controlos repetidos de identidade, detenções e revistas, bem como de violências físicas e verbais».

A denúncia é assinada pelas associações «Help Refugees», «l'Auberge des migrants», «Utopia 56» e «Refugee Infobus».




 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: