Iniciativas por todo o País
Denunciar a natureza agressiva da NATO
No âmbito da campanha «Paz sim! Nato não!», vão realizar-se, até à Cimeira da NATO, que Portugal vai acolher em Novembro, várias iniciativas para denunciar a «natureza agressiva da NATO», os «ataques militares que esta tem vindo a desencadear», o «contínuo alargamento do seu âmbito de acção», assim como os «perigos que tal representa para a soberania e para a liberdade dos povos».
No sábado terá lugar, na sede da Associação 25 de Abril, um debate para assinalar «a agressão do Iraque» e, no dia 27 de Março, no Largo do Camões, um acto público para denunciar a «agressão à Jugoslávia». Ambas as iniciativas realizam-se em Lisboa, às 15 horas.
No dia 15 de Abril, um pouco por todo o País, acontece uma jornada nacional de esclarecimento que, entre outros objectivos, visa alertar para a submissão que os governos e as autoridades portuguesas têm vindo a ter em relação à NATO. Neste dia, os portugueses poderão assinar uma petição, dirigida à Assembleia da República, onde se exige a retirada das forças portuguesas envolvidas em missões da NATO. A campanha «Paz sim! NATO não!» vai ainda participar no desfile do 25 de Abril, em Lisboa, e, em Julho, num acampamento de juventude.


 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: