Garantir o acesso à Justiça

O PCP recebeu, no dia 26 de Abril, a Associação Sindical dos Juízes Portugueses. No final do encontro, Jerónimo de Sousa manifestou a profunda preocupação do PCP com a possibilidade de uma reorganização dos tribunais feita «a régua e esquadro», não tendo em conta as necessidades das populações, particularmente as do interior, que já são vítimas do encerramento de outros importantes serviços públicos.

O Partido transmitiu também o que considera um dos pilares fundamentais do regime democrático – o acesso à justiça que tem que ser efectivado como está previsto na própria Constituição. Para o PCP, há que garantir ainda a independência dos tribunais tanto do poder político como do poder económico.

A delegação do PCP era composta por Jerónimo de Sousa, Rui Fernandes, da Comissão Política, e José Neto, do Comité Central.



 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: