A crise não toca a todos
Lucros das grandes empresas subiram 154,6 por cento em 2010
O INE acabou de divulgar uma publicação importante com o titulo «Evolução do Sector Empresarial em Portugal 2004/2010». E os dados constantes dessa publicação revelam que as grandes empresas (empresas com mais de 250 trabalhadores e com um volume de negócios superior a 50 milhões de euros/ano) estão a obter elevados lucros; por outras palavras, nem todas as empresas estão a perder com a crise como os patrões e o Governo pretendem fazer crer à opinião pública.

Aumento da pobreza e das desigualdades em Portugal
«Condição de recursos» generaliza a miséria

O INE divulgou, em 13 de Julho de 2012, novos dados sobre o aumento da pobreza e das desigualdades em Portugal. Como os dados oficiais revelam, a taxa de risco de pobreza após as transferências sociais está a aumentar em Portugal. Em 2010, 18% da população portuguesa, ou seja, 1 900 000 portugueses já viviam na pobreza.



Trabalhadores e populações são as principais vítimas
Política privatizadora devasta serviços públicos locais

Em documento recentemente divulgado, o STAL denuncia as crescentes pressões privatizadoras exercidas sobre as autarquias e alerta que a destruição dos serviços públicos significará mais desemprego, injustiças e desigualdades no acesso a bens e serviços essenciais. Reafirmando a sua oposição frontal a esta política, o STAL apela aos trabalhadores e às populações para que resistam e defendam o poder local, os serviços públicos e o direito ao futuro.



A situação na Colômbia e o projecto das FARC-EP

Influentes media norte-americanos manifestaram nas últimas semanas inquietação com a situação político-económica e militar na Colômbia, o aliado preferencial dos EUA na América Latina, apresentado habitualmente como modelo democrático para o hemisfério.