Aconteu
Qualidade de vida em Constância

Image 12303

Constância é o município do distrito de Santarém que apresenta o índice mais elevado de qualidade de vida, segundo um estudo elaborado pela Universidade da Beira Interior (UBI) a partir de dados fornecidos pelo Instituto Nacional de Estatísticas (INE). Entre os 308 concelhos de Portugal, noticia a «Rede Regional», a auto-designada «vila poema» é a única do Ribatejo, numa listagem liderada por Lisboa, Porto e Albufeira.

Num estudo elaborado a partir de 48 parâmetros, foram valorizados aspectos como o ambiente e os gastos das câmaras municipais na gestão eficaz dos resíduos, os serviços de saúde, os equipamentos culturais e educativos, as farmácias e o postos dos CTT por mil habitantes, a segurança e até a criminalidade contra o património e rodoviária, entre outros factores.

O número de contratos de compra e venda de prédios, o ganho médio mensal dos trabalhadores por conta de outrem e o turismo foram outras das variáveis consideradas pelos investigadores da UBI, assim como os gastos totais da autarquia com a cultura, desporto e educação.

A classificação obtida constitui «motivo de satisfação para todos os residentes», salienta a Câmara de Constância, de maioria CDU, sublinhando que o bom resultado é «fruto da preocupação permanente na gestão dos bens públicos, na organização e promoção do concelho e na criação de infraestruturas e serviços que promovam a atractividade de pessoas que procurem um local para viver ou simplesmente para visitar».


Fão e Trouxemil contra extinção

Image 12304

Centenas de pessoas de Fão manifestaram-se no domingo contra a proposta da Reforma Administrativa Territorial, tendo realizado uma marcha lenta que percorreu a EN 10, desde o «Chalet do Bom Jesus» até ao centro da cidade de Esposende. «O que esta reforma vai fazer às freguesias de Portugal é uma aberração», disse, à Lusa, Óscar Hernâni Viana, do Movimento «De mãos dadas por Fão», informando que a vila, que agora comemorou 37 anos de existência, tem «mais de 4800 habitantes, um hospital privado, uma escola profissional com muitas centenas de alunos e uma corporação de bombeiros», estruturas «que foram dadas à vila pelos seus antepassados e que agora nos querem roubar». Ao protesto juntaram-se autarcas, representantes dos vários quadrantes políticos locais, dirigentes associativos e população, que mostraram a revolta por uma reforma que pretende juntar a vila de Fão a Apúlia. O município de Esposende tem actualmente 15 freguesias que, com a Reforma Administrativa, passariam para nove.

Em Trouxemil, a CDU fez aprovar, em Assembleia de Freguesia, uma moção que exige a revogação da Lei 22/2012 e apela à participação de todos «em acções de luta pela defesa das freguesias». O documento responsabiliza ainda os deputados eleitos pelo distrito de Coimbra que votaram a favor, na Assembleia da República, da extinção de freguesias.


Situação social dramática

Segundo números do Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP), o número de casais em que ambos os conjugues estão desempregados aumentou 95,5 por cento entre Novembro de 2001 e o mesmo mês de 2012, rondando agora os 11 mil. Citada pela TSF, Ana Paula Marques, investigadora da Universidade do Minho, recordou que este tipo de casos é «absolutamente dramático do ponto de vista social e das consequências ao nível afectivo, familiar, de projecto de vida e capacidade de negociar o que quer que seja das decisões tomadas».


Rolls-Royce bate recordes

Numa altura em que a crise económica é desculpa para retirar direitos aos trabalhadores e aos povos de todo o mundo, o fabricante de automóveis de luxo Rolls-Royce informou que bateu um recorde de vendas em 2012. A marca, detida pelos alemães da BMW, deu conta de que, no ano passado, vendeu 3575 veículos, «o que representa um terceiro recorde consecutivo e o melhor resultado de vendas na sua história de 108 anos».

Os mercados em que o crescimento foi maior foram os da Arábia saudita (63 por cento), do Médio Oriente (26 por cento), da Europa (21 por cento) e da Ásia-Pacífico (18 por cento), se bem que os de maior volume são os dos EUA e China. Os veículos ultra luxuosos custam mais de 200 mil euros.


Novo aeroporto em Pequim

O governo chinês aprovou a construção de um segundo aeroporto internacional em Pequim, com capacidade para acolher 70 milhões de passageiros por ano, e que deverá estar concluído até ao final de 2018. A infraestrutura, orçada em cerca de 8400 milhões de euros, visa aliviar o actual aeroporto da capital chinesa, o segundo mais movimentado do mundo.



Resumo da Semana
Frases