Dia 30 é feriado
Tal como a concentração de sábado, no 1.º de Maio foi também anunciada pela CGTP-IN a realização, no dia 30, de uma grande jornada de protesto e luta contra o trabalho gratuito e a reafirmar a exigência de mudar de Governo e de política.

A próxima quinta-feira, 30 de Maio, é Dia do Corpo de Deus, feriado católico e tradicional, que no calendário surge como o primeiro dos quatro feriados que, à força de lei, foram roubados aos trabalhadores e oferecidos aos patrões (tal como os três dias de majoração das férias).

A Intersindical e as suas estruturas sectoriais vêm apelando a que os trabalhadores façam desta data um dia de afirmação clara da recusa destes sete dias de trabalho gratuito, tal como de rejeição da diminuição do valor do trabalho suplementar.

As formas de protesto, a concretizar pelos sindicatos em cada sector, empresa ou serviço, incluem greves e plenários ou mesmo acções com expressão pública.




 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: