Reforçar a CDU nas autarquias abre caminho
à esperança no País
Garantir o presente, lutar pelo futuro

Image 13826

O Avante! prossegue a divulgação do projecto autárquico, das propostas e do trabalho realizado pela CDU. Desta vez, fomos até aos concelhos da Chamusca e de Benavente, no distrito de Santarém, duas autarquias que, a par de Alpiarça, Constância e Sobral de Monte Agraço, têm desenvolvido uma actividade que não teme comparação e que tem como único objectivo de melhorar a qualidade de vida das suas populações.

Francisco Matias e Carlos Coutinho, cabeças de lista da CDU às câmaras municipais da Chamusca e de Benavente, respectivamente, explicaram como estes concelhos se transformaram, em pouco mais de 30 anos; falaram dos principais problemas que afectam a vida das pessoas e perspectivaram como poderá vir a ser o futuro do Poder Local. O panorama não é animador, tendo em conta o que se perspectiva na nova Lei das Finanças Locais. A não ser que seja derrotada a política de direita prosseguida por PS, PSD e CDS, e que a mesma seja substituída por uma política patriótica e de esquerda.

Mas se a CDU, nos órgãos autárquicos onde exerce o poder, tem como objectivo o seu reforço eleitoral, em todos os outros existe a ambição de protagonizar uma mudança radical. É disso exemplo o concelho de Loures: «As pessoas estão bem conscientes da profunda degradação e do descalabro da gestão PS, e sabem que para mudar só contam com a CDU», afirmou, ao Órgão Central do PCP, Bernardino Soares, cabeça de lista à Câmara Municipal.



 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: