Fazer a diferença <br>em Viana do Castelo

Num ambiente de grande confiança, mais de duas centenas de apoiantes da CDU participaram, sábado, em Carreço, num jantar que contou com a presença de Jerónimo de Sousa, Secretário-geral do PCP, e de Ilda Figueiredo, primeira candidata da Coligação PCP-PEV pelo círculo eleitoral de Viana do Castelo.

Pegando no caso dos Estaleiros Navais de Viana do Castelo (ENVC), Jerónimo de Sousa acusou o Governo de destruir tudo o que toca. «A Comissão Europeia respondeu, preto no branco, aos deputados do PCP no Parlamento Europeu que o Governo não invocou o interesse dos ENVC para a construção de navios militares», criticou. No entanto, denunciou Jerónimo de Sousa, o Executivo PSD/CDS entregou, à pressa, sem concurso público, a construção de dois navios militares à empresa que comprou os ENVC por meia dúzia de tostões.

Para combater esta negociata, «o PCP deu entrada, na Assembleia da República, de um projecto de resolução com vista à reversão dos ENVC para o sector empresarial do Estado, tendo esses dois navios como sua primeira carteira de encomendas».

Já Ilda Figueiredo lembrou a importância de na Assembleia da República haver uma voz da Coligação PCP-PEV eleita pelo distrito de Viana do Castelo, tal como aconteceu nas últimas eleições autárquicas, com a eleição de um vereador na Câmara de Viana do Castelo, coisa que muitos consideravam impossível, mas que fez a diferença, como mostra a aplicação das 35 horas naquela autarquia, depois de aprovada uma proposta da CDU nesse sentido.




 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: