Novo rumo para a Madeira

O PCP está a promover, na Madeira, uma iniciativa política regional sob o lema «É necessário um novo rumo». No comunicado de imprensa de apresentação da iniciativa, o Partido lembra que muito embora o PSD tenha prometido um «novo ciclo político e a renovação», o que perpassa da sua prática política é uma evidente «falta de projecto», as «erradas decisões da governação e o «incumprimento dos seus compromissos eleitorais».

Estes factores, conjugados, conduziram a Região Autónoma da Madeira para uma fase de «crescente descontentamento», que já deu lugar ao protesto e à contestação, como ainda recentemente se verificou no sector da saúde, sublinham os comunistas. A própria festa do Chão da Lagoa, organizada anualmente pelo PSD, também evidenciou, na opinião do PCP, a «profunda desmobilização da base de apoio do PSD e do Governo Regional presidido por Miguel Albuquerque».

Assim, garante o PCP, está na hora de impulsionar um novo rumo na região, derrotando o «desnorte da política do actual governo do PSD e de Miguel Albuquerque» e lançando as bases para uma política alternativa. É precisamente para a criação de um novo rumo que, acrescenta, é «urgente dinamizar processos que conduzam a uma alternativa política». No âmbito desta iniciativa, o PCP apresentará diversas propostas que darão conteúdo a esta exigência. 



 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: