Theatron / Teatro<br>– Legado da Grécia antiga

A primeira representação com diálogos registada, segundo The Cambridge Paperback Guide to Theatre, foi a de peças sagradas no Antigo Egipto do mito de Osíris e Ísis, por volta de 2500 aC, enquanto as formas teatrais orientais registadas datam do ano 1000 aC, com o drama sânscrito do antigo teatro Indu. Mas a palavra 'teatro' e o conceito de teatro como hoje é concebido, independente da religião, terá surgido na Grécia Antiga, no século IV a.C. O termo grego θέατρον / theatron (teatro) significa «lugar para ver» e a concepção do espaço de representação, aproveitando montanhas e colinas para suporte das arquibancadas, tendo o céu como tecto, bem como o número de lugares disponíveis confirmam o grande interesse que existia por essa arte. O teatro de Dionisos, em Atenas, comportava 17 mil espectadores; o de Epidauro, onde ainda se representa, tem cerca de 14 mil lugares. O mais impressionante destes «lugares para ver» é sem dúvida a acústica, tão perfeita que uma pessoa sentada na última fileira (parte superior) pode ouvir a voz dos actores como se estivesse sentado na primeira fileira. O «segredo» parece estar na conjugação de vários factores – silêncio do local, ventos favoráveis do palco para a audiência, forte inclinação das arquibancadas, vasos ressonantes embutidos nos degraus do auditório – que continua a ser motivo de estudo.

 


 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: