CPPC e CGTP recordam legado de Nelson Mandela

No dia em que se assinalaram 100 anos do nascimento de Nelson Mandela, a CGTP-IN e o Conselho Português para a Paz e Coordenação (CPPC) recordaram o legado exemplar de combate, coragem e integridade deixado pelo dirigente histórico do Congresso Nacional Africano.

Nos comunicados lançados por estas duas organizações no passado dia 18, lêem-se alguns dos momentos e conquistas mais assinaláveis da vida de Nelson Mandela, assim como os momentos de cooperação e entreajuda dos povos sul africano e português, ao lembrar a visita a Portugal que o mesmo realizou em 1993, na qual teve oportunidade para saudar os «amigos portugueses do povo sul-africano», motivado pelas importantes campanhas promovidas pelo CPPC, às quais a CGTP-IN também se associou.

«Mas se os lutadores pela paz de todo o mundo dedicaram muito à luta de Nelson Mandela, receberam dele muito mais: o exemplo de combatente íntegro, corajoso e profundamente humano, que colocou como prioridade a felicidade do seu povo e o desenvolvimento do seu país» – lê-se no final do comunicado lançado pelo CPPC. Mandela permanecerá na história mundial, numa época em que o poder do capital promove de novo um discurso racial, xenófobo e fascista, como defensor da liberdade, da democracia, da cooperação entre os povos e da paz. «O seu legado pertence à humanidade».

 



 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: