Protesto no Bundestag
Os deputados do partido Die Linke (A Esquerda) levantaram-se dos seus lugares, dia 26, exibindo cartazes com os nomes de vítimas civis do bombardeamento, em Setembro, ordenado pelo comando alemão no Afeganistão.
Na sequência deste protesto contra a decisão do governo alemão de enviar mais 850 soldados para aquele país, os 76 deputados do Die Linke foram expulsos da câmara baixa do parlamento. Antes da acção, a deputada Christine Buchholz afirmou da tribuna que «a Alemanha está a participar numa guerra contra a população do Afeganistão».
O reforço do contingente germânico para um total de 5350 efectivos, foi aprovado por 429 votos a favor e 111 contra num total de 622 deputados.


 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: