A luta continua por emprego, salários e direitos
Roteiro da CGTP-IN pelo trabalho digno
Lutar por uma vida melhor
Na semana em que celebrou o seu 39.º aniversário, a CGTP-IN iniciou um «Roteiro pelo trabalho digno» para reivindicar emprego, salários e direitos.
Um vasto conjunto de plenários e outras acções, por todo o País, foi agendado pela Inter, no âmbito de uma «Jornada mundial pelo trabalho digno», convocada pela Confederação Sindical Internacional para ontem.
«Emprego, salários e direitos – Uma vida melhor» são as reivindicações centrais destas acções que começaram em Évora, dia 2, com uma concentração dos trabalhadores da Tyco, recentemente convidados a regressarem à empresa, com contratos a termo, depois de terem sido despedidos e perdido os direitos respeitantes ao contrato efectivo que lhes foi suprimido.
Hoje, o roteiro passa por Cernache, Coimbra, para onde está agendado um plenário, pela manhã, com trabalhadores da Real Cerâmica e da Poceram. À tarde, pelas 17.30 horas, em Santa Maria de Lamas, Aveiro, junto à sede da associação patronal APCOR, vão concentrar-se operários corticeiros.
Na região de Lisboa, pelas 15.30, em Santa Iria da Azóia concentram-se os vidreiros da Saint Gobain Glass, para exigirem a retoma da produção de chapa de vidro.
Às 17.30, junto ao edifício do Campo Grande, os trabalhadores da Câmara Municipal de Lisboa estão convocados para um plenário, para reivindicar igualdade de direitos entre contratados a prazo passados à efectividade e os restantes funcionários.
Anteontem, em Braga, o secretário-geral da CGTP-IN, Manuel Carvalho da Silva, participou no plenário na metalúrgica Jado Ibéria, contra a aplicação ilegal do lay-off, pela terceira vez consecutiva. Pela manhã, o membro da Executiva da CGTP-IN, Arménio Carlos participou no plenário na cerâmica Louçarte, em Valado dos Frades, Nazaré.
Para ontem, estava agendado um plenário no Hospital de Faro, enquanto, no Porto, se previa contactos com os trabalhadores da eléctrica JP Sá Couto, da metalúrgica Sakthi, do Hospital de São João, da cerâmica Novinco, da química Fapobol e da têxtil Confetil.

Parabéns CGTP-IN

A assinalar o 39.º aniversário da CGTP-IN, no passado dia 1, a central efectuou um conjunto de plenários, debates, concentrações, contactos e distribuição de documentos a trabalhadores e populações, e jantares de celebração em Angra do Heroísmo, Aveiro, Beja, Castelo Branco, Évora, Guarda, Madeira, Ponta Delgada, Portalegre, Porto, Santarém, Viana do Castelo, Vila Real e Viseu.
Através de uma nota à imprensa, a União dos Sindicatos de Beja enalteceu o «contributo extraordinário», dado pela central,« com a sua intervenção e intensa luta para a travagem de uma governação, em vários planos, desastrosa e arrogante».


 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: