Estudantes do ensino básico, secundário, superior e profissional em luta
Lutar para assegurar o futuro

Por todo o País, milhares de estudantes do ensino básico, secundário, superior e profissional manifestaram-se quinta-feira, 24, Dia Nacional do Estudante, em sinal de protesto contra a política seguida nos últimos 34 anos pelo PS e PSD, com ou sem o apoio do CDS.

Instituído em 1962 e marcado pela luta contra o regime fascista e pela liberdade, o dia 24 de Março tornou-se um dia histórico para o movimento estudantil. Hoje, como no passado – salvaguardadas as devidas diferenças –, os estudantes voltam a sair à rua e exigem uma escola pública, gratuita, democrática e de qualidade para todos, tal como está consagrado na Constituição da República.



«Queremos trabalho, exigimos direitos»
Jovens protestam em Lisboa

Amanhã é dia de luta pelos direitos dos jovens trabalhadores. Convocada pela Interjovem/CGTP-IN, terá lugar, em Lisboa, às 14.30 horas, uma manifestação nacional contra a precariedade, o desemprego e os baixos salários.



Portugal contra agressão imperialista à Líbia e Baharein
Denúncia e condenação em Lisboa

Centenas de pessoas manifestaram-se, dia 23 de Março, frente à Embaixada dos EUA em Portugal, contra a agressão imperialista aos povos da Líbia e do Baharein, e exigiram a paz. À concentração de Lisboa juntaram-se muitos outros, em todo o mundo, como aconteceu no Porto ou em Nova Iorque.



Marcha pela educação

Criação da Associação Conquistas da Revolução
O primeiro passo

Mais de uma centena de pessoas, civis e militares, marcaram presença, sexta-feira, na Casa do Alentejo, em Lisboa, num jantar de confraternização que constituiu a primeira iniciativa, com expressão pública, para a criação da Associação Conquistas da Revolução.



Assembleia da FMJD
Em Portugal no início de Novembro

STAL e Associação Água Pública
Governo transforma serviço público em negócio

JCP na Futurália

Associação Pioneiros de Portugal
«Um mundo de direitos»

Concentração de agricultores em Braga

Breves