Comunista checo eleito governador

Oldrich Bubeníček, candidato do Partido Comunista da Boémia Morávia nas eleições regionais de Outubro, foi eleito, dia 20, governador da região de Ústí nad Labem.

Trata-se de um acontecimento histórico já que é a primeira vez que um comunista assume funções de governação a nível regional, desde o derrubamento do regime socialista, em 1989.

Na realidade, os comunistas venceram o sufrágio ao Conselho da região, com seis mandatos, conseguindo apoio maioritário após a conclusão de um acordo com os sociais-democratas, que obtiveram cinco mandatos.

O primeiro vice-governador será igualmente um comunista, Stanislav Rybák, que terá a seu lado, como segunda vice-governadora, a social-democrata, Jana Vanhová.

Para além de Ústí nad Labem, os comunistas foram também a força mais votada na região de Karlovy Vary, onde se espera que um acordo semelhante seja estabelecido com os sociais-democratas, permitindo a eleição do segundo governador comunista.

Em três outras regiões, Hradec Králové, Boémia do Sul, Olomouc, onde o Partido Comunista foi a segunda força, os seus candidatos ascenderão ao cargo de vice-governador e conselheiro da Educação.

O êxito eleitoral do Partido Comunista causou incómodo nos sectores da direita checa, no entanto, segundo uma sondagem citada pela Rádio Praga, mais de metade da população afirma não ter objecções ao resultado das eleições bem como à atribuição de cargos políticos a candidatos comunistas, de acordo com o veredicto das urnas.


 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: