Concurso de bandas
do Palco Novos Valores
Revelar talentos<br>democratizar a cultura

 
 

Pelo 19.º ano consecutivo, a Juventude Comunista Portuguesa promoveu um concurso de bandas, de âmbito nacional, para apurar um conjunto de novos grupos para actuarem, durante a Festa do Avante!, no Palco Novos Valores. Edição após edição, o concurso foi crescendo, afirmando-se hoje como o de maior expressão nacional.

Este ano, foram mais de uma centena as bandas concorrentes, que mostraram os seus temas em 29 eliminatórias e finais realizadas de Norte a Sul do País e no arquipélago da Madeira. Independentemente de serem apuradas ou não para actuarem na Festa do Avante! (ver lista das bandas seleccionadas e convidadas no Jornal dos Artistas, publicado com esta edição do Avante!), muitas bandas tiveram oportunidade de pisar um palco e mostrar ao vivo o seu trabalho, graças à JCP e ao seu concurso. Para muitas, foi a primeira vez.

O concurso de bandas e o próprio Palco Novos Valores são, em si mesmos, expressão da luta da juventude pelo acesso à cultura, por uma verdadeira liberdade de criação e fruição culturais, como consagra a Constituição da República. Ao mesmo tempo que o concurso atravessava as suas várias etapas, a JCP lançou também a campanha «Aumenta o Som! Baixa o IVA!», que ainda prossegue, da qual faz parte uma petição a entregar na Assembleia da República exigindo a redução da taxa de IVA dos instrumentos musicais para seis por cento, tal como é aplicada a outros bens culturais essenciais, como os livros. Na base desta exigência está a consideração de que os instrumentos musicais constituem uma ferramenta de trabalho para os músicos e um importante factor de democratização da cultura.

Finalizado o concurso, a recolha de apoios para a petição continua. Até ao momento mais de duas mil pessoas já a subscreveram. Nas redes sociais estão a ser dinamizados um fotoprotesto e o hashtag #AumentaoSomBaixaoIva.

 

A cada ano mais bandas

No concurso de bandas deste ano do Palco Novos Valores, onde estiveram a concurso mais de 100 bandas, com 29 eliminatórias e finais, foram as seguintes as bandas apuradas: Bichos do Contra (Leiria e Santarém), Moon Preachers (Setúbal), Peter Strange (Lisboa), Plano Z (Coimbra, Guarda e Castelo Branco), Plause (Alentejo), Projecto Mundo (Madeira), Slavecrowd (Braga, Bragança e Vila Real), The Gypsies (Porto e Viana do Castelo), The Mad Bad Family (Aveiro e Viseu), Villain Outbreak (Algarve).

Actuam também as bandas convidadas Glockenwise, GROGNation e Them Flying Monkeys.

 



 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: