Desemprego jovem nos países da OCDE
Mais de metade fora das estatísticas

Image 10518

A Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) admitiu, a semana passada, que mais de metade dos jovens desempregados nos seus 30 países-membros não constam nas estatísticas.

Entre os trabalhadores com idades dos 15 aos 24, o desemprego na OCDE cifra-se, em média, nos 22,6 por cento, mas não só em países como a Grécia, Espanha e Portugal, por exemplo, a situação é muito mais grave, como, no conjunto dos território, os dados oficiais estão longe de reflectir o flagelo.

«Muitos jovens que abandonaram o sistema de ensino deixaram de aparecer nas estatísticas de emprego», diz o comunicado, citado pela Lusa, no qual se estima em pelo menos 23 milhões o total de jovens sem trabalho.

 



 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: